Bazar: Para poder abraçar

Vocês devem se lembrar que em janeiro desse ano eu falei sobre o projeto Para Poder Abraçar aqui no blog, certo? Pra quem não se recorda ou não viu o post, vou contar uma história.

Para poder abraçar A Raissa Victória tem quatro anos, é uma criança alegre, que ama sorrir e se divertir como qualquer outra. Porém, ela não pode abraçar quem ela ama – nem mesmo seus pais. Essa borboletinha possui uma doença de pele chamada Epidermólise Bolhosa, que, ao menor toque, provoca bolhas e feridas graves na pele, que a impossibilita de fazer algumas coisas que crianças comuns fariam, como rolar na cama – uma coisa tão simples que a gente nunca percebe como faz falta! Quando nasceu, Raissa recebeu dos médicos uma expectativa de vida de apenas dois meses. Seus pais, moradores de uma cidade chamada São Luiz Gonzaga, aqui do Rio Grande do Sul, lutam para conseguir o tratamento experimental que pode curá-la ou melhorar sua qualidade de vida. O grande problema é que esse tratamento está nos Estados Unidos, na universidade de Minnesota, e custa um milhão e meio de dólares. A partir disso, eles iniciaram essa causa para poder dar à sua filha a vida que ela merece.

Depois que publiquei o post, vi uma pequena corrente de solidariedade se espalhando pela blogosfera e, apesar de muitos blogueiros não poderem ajudar financeiramente, o que de fato seria maravilhoso, eles fizeram posts em seus blogs e divulgaram o projeto para que mais gente conhecesse essa pequena e pudesse ajudar. Uma das pessoas que conheceu o projeto pelo Fluffy foi a Barbara, uma amiga querida que, junto com a Simone (sua irmã) e a Aline (apoiadora do projeto que me deu o pontapé inicial), criaram um Bazar aqui na minha cidade.

Foram meses de planejamento, divulgando o bazar, recolhendo doações de roupas, calçados, acessórios e de tudo um pouco. Além disso, as meninas conseguiram apoio de muitas pessoas e empresas, desde o local para o evento até o transporte das mercadorias. Foi lindo ver como muita gente abraçou a causa e ajudou como pôde. Jonas, o pai da Raissa (e uma pessoa abençoada!), esteve presente vendendo produtos de beleza, facas artesanais, lingeries, shampoos e diversos produtos lindos e cheirosos. O dia começou movimentado, com fila na porta, pessoas se emocionando com a pequena Raissa e empolgando-se para garantir peças ótimas a precinhos baixíssimos e ainda ajudar uma causa solidária. Foi, resumidamente, um evento maravilhoso e que rendeu muito dinheiro para a cura da Raissinha.

O bazar aconteceu no sábado, dia 11 de abril, na Casa de Cultura de Farroupilha, e agora quero mostrar algumas fotos pra vocês conferirem como foi.

Para poder abraçarNessa sala é onde ficaram as doações de roupas para venda.

Para poder abraçarEssa era a primeira sala, na entrada, onde ficaram produtos de beleza, camisetas, essências, lingeries e outros produtos vendidos pelo Jonas, pai da pequena Raíssa.

Para poder abraçar

Para poder abraçar

Para poder abraçar

Para poder abraçar

Para poder abraçar

Para poder abraçarEssa era a última salinha (a cozinha do local), onde ficaram as roupas infantis, bolsas e calçados.

Para poder abraçarE foi na pequena biblioteca do espaço que ficaram os calçados vindos de doação para venda.


Como contribuir para o projeto “Para poder abraçar”?

Se você quer ajudar a Raissa a conseguir o tratamento, você pode doar um valor online ou comprar produtos da loja virtual. Tem camiseta, livros e em breve terá também uma bonequinha igual à da marca!

Se você deseja depositar um valor na conta bancária do projeto, também é possível! Abaixo coloquei todas as contas disponíveis para quem quiser depositar qualquer valor.

Para poder abraçar

Se você leu até aqui, muito obrigada! A Raissa precisa de cada um de nós. Afinal, quanto vale uma vida pra você?

POSTS RELACIONADOS

8 comentários

  1. Responder

    Camila Loricchio

    abril 16, 2015

    Minina, que lindo ver quando nossa ajuda tem resultado!
    Torcendo aqui pela mocinha e pelos outros que precisam de ajuda, vou dar uma divulgada pra quem conheço também :DD

    Bjbj

    • Responder

      Gabi Orlandin

      abril 17, 2015

      É gratificante mesmo, Cami!
      Obrigada pelo apoio.
      Beijos.

  2. Responder

    Beatriz Cavalcante

    abril 16, 2015

    Que legal ver essa sua atitude Gabi! Eu lembro do post que você fez e eu fiquei realmente querendo ajudar. Também achei muito bacana ver os blogueiros divulgando a história em seus blogs e trazendo mais ajuda para a Raíssa. Estou na torcida e espero o tratamento dela saia o quanto antes. <333

    Beijo!

    • Responder

      Gabi Orlandin

      abril 17, 2015

      Também esperamos, Bia! O pai dela está planejando conseguir o valor até a metade do ano, espero que dê tudo certo e isso se concretize.
      Beijos e obrigada 🙂

  3. Responder

    Simone Tomazi

    abril 17, 2015

    Obrigada Gabi pela divulgação, ficou perfeita.

    • Responder

      Gabi Orlandin

      abril 17, 2015

      Fico feliz que tenha gostado, Simo. A gente tem que ajudar de todas as formas que pode 🙂
      Beijos.

  4. Responder

    joao

    abril 18, 2015

    Amei essa linda iniciativa de vcs lindo moro no Brasil mas sigo o site de vcs e amo seus livros sorteios e etc enfim parabens

  5. Responder

    Giovana Teotonio

    abril 20, 2015

    Nossa que lindo seu projeto! Parabéns!

ESCREVA UM COMENTÁRIO