Bella Andre – Os Sullivans #9: O jeito que me olha

Resenha do livro O jeito que me olha Bella Andre

O jeito que me olha
Série Os Sullivan, livro 9
Bella Andre
Editora Novo Conceito, 2014
272 páginas

Saraiva

Depois de construir uma sólida carreira como detetive particular – especializado em casos de infidelidade -, Rafe Sullivan perdeu a fé nas relações humanas. As únicas histórias de amor verdadeiro que conhece são a dos seus pais e as dos seus primos, que Vivem na Califórnia. Quando Rafe precisa sair de Seattle para descansar e esfriar a cabeça, sua irmã, Mia, sugere uma temporada na cidadezinha onde a família costumava passar as férias de verão. No cenário de sua infância, Rafe reencontra Brooke Jansen, que, de garotinha doce e inocente, transformou-se em uma mulher de beleza incomum. Nenhum dos dois consegue ignorar o clima de sedução, e é Brooke quem toma a iniciativa: ela propõe a Rafe um caso de verão, sem amarras nem cobranças. Rafe luta para convencê-la de que eles devem continuar sendo apenas amigos… embora ele mesmo não esteja 100% convencido disso.

Certamente você já ouviu falar sobre a Bella Andre, a escritora que deu vida a personagens icônicos e inesquecíveis conhecidos como a amorosa e unida família Sullivan. Em seus primeiros oito livros da série, a autora nos apresentou a família de São Francisco, na Califórnia (e só por esse pequeno detalhe eu já seria fã), que são compostos pelos irmãos: Chase, Marcus, Gabe, Sophie, Zach, Ryan, Smith e Lori. Ufa! São oito irmãos, cada um com seu livro e, consequentemente, sua história de amor. Agora, quando todos os primos de São Francisco encontraram seus amores, é a vez da família de Seattle fazer o mesmo. Da mesma forma, a autora criou um livro para cada um deles, e o primeiro dessa nova continuação você conhece agora.

O jeito que me olha conta a história de Rafe Sullivan, um bem sucedido investigador que, de tanto presenciar e desmascarar casos de traição, não acredita mais no amor verdadeiro. Ele tem uma personalidade selvagem e gosta de aventuras, mas se vê cada vez mais enterrado em seu trabalho. Tudo mudou quando sua irritante (mas amada) irmã chega a seu escritório com a mesma ladainha de sempre: que ele precisa de férias. Só que dessa vez ela tem uma carta na manga: a antiga casa do lago de seus pais, perdida para as dívidas há tantos anos, está à venda. E bem, ela já fez a Rafe o favor de compra-la em nome dele.

Quando Rafe chega à casa, em sua moto, não é a visão da casa que o apavora; é a sua vizinha, de biquíni na varanda, recém saída de um banho no lago Wenatchee. Ela é realmente linda, não fosse a sua confirmação assustadora: ela é ninguém menos do que Brooke, a menininha fofa e inocente com quem os irmãos brincavam quando crianças. Mas a questão é: quando foi que ela se tornou essa mulher cheia de curvas? Bem, aí já dá pra ter uma ideia da história.

Rafe Sullivan tem muitos fantasmas e não quer entrar em um relacionamento. Porém, quem faz essa história girar é Brooke, que sempre foi apaixonada por Rafe e não vai medir esforços para conquista-lo – somente para um caso de verão, sem compromissos (ou era o que eles planejavam, mas isso nunca dá certo). Rafe é um personagem que, falando bem a verdade, acaba “estragando” a história com sua mania de preservar a amizade e não ir além, mesmo lutando com todas as suas forças para manter a mente e o corpo longe de Brooke. E Brooke é a personagem destemida, corajosa, que foi contra os seus pais para seguir o sonho de fazer trufas caseiras no lugar mais lindo do mundo. E, claro, ela vai conquistar qualquer leitor com as suas respostas bem dadas e suas investidas sem vergonha para cima de Rafe. Sem mais palavras, Brooke salvou essa história, ela é uma personagem incrível!

Como todos os romances de Bella Andre sobre os Sullivans, esse livro é clichê, mas guarda surpresas. O leitor sabe com quem os personagens vão ficar, mas a graça está em ver o caminho percorrido até lá. E, no meio da estrada, tem muito romance, surpresas, reviravoltas e, geralmente, um passado difícil pra superar. É interessante dizer que não é necessário seguir a ordem de publicação dos livros para ler a história. Cada livro pode ser lido separadamente.

Recomendo os livros de Bella Andre para quem gosta do gênero, pois são rápidos de ler e contém histórias bonitas, que te fazem acreditar mais no amor.

POSTS RELACIONADOS

1 comentário

  1. Responder

    vanuzia

    março 29, 2016

    [love] [heart]

ESCREVA UM COMENTÁRIO