Diário de Viagem: Las Vegas, Nevada

O Diário de Viagem é uma série de posts que fala sobre a minha viagem aos Estados Unidos, em agosto de 2014. Passei 17 dias entre San Francisco, Los Angeles, Las Vegas e várias cidades próximas. Os posts consistem em dicas do que vi, do que gostei, do que achei que vale muito a pena e também do que não consegui conhecer por falta de tempo, mas que todos recomendam.

O meu relato não é muito vasto, pois passei, no máximo, três dias em cada uma das cidades maiores, e apenas de passagem pelas “menores”, como Santa Monica, Venice e Monterey. Então, o meu objetivo não é oferecer um guia completo sobre essas regiões, pois conheci pouco sobre cada uma delas, mas sim contar como foi a minha experiência, e se, um dia você for visitar esses mesmos lugares, possa levar algumas dicas daqui.

Para visitar todos os posts do Diário de Viagem, é só acessar a página especial clicando aqui.


Quinta-feira, 14/08/2014

Depois da Universal Studios, nós chegamos PILHADOS em Las Vegas, e quando vimos todos aqueles hotéis de luxo, as construções famosas e o clima todo da cidade (não em temperatura, isso é outro assunto), nós piramos. É tudo muito magnífico, gigantesco, luxuoso e exagerado ao máximo, e nós não sabíamos nem pra onde olhar primeiro. Neste post, vou contar algumas experiências de Vegas pra vocês, pois, como diz aquele ditado, “O que acontece em Vegas, fica em Vegas”.

las vegas diário de viagemEstrada para Vegas, mostrando sinais de deserto. Estão vendo um mini tornado de areia na foto? Bem normal ver algo assim por lá, pois vimos vários.

O primeiro contato com Vegas foi o seguinte: trânsito caótico, sinaleiras mais demoradas do mundo e CALOR. Os termômetros marcavam 39 graus e umidade do ar em 6%. A sensação era de estar dentro de um forno. Fomos direto ao hotel para largar as malas, e de novo nos surpreendemos. Não tenho como explicar O QUE É VEGAS, porque é uma coisa sem explicação, só mesmo conhecendo pra entender.

las vegas diário de viagemNosso hotel era o Paris Las Vegas, e esse era o saguão dele. Achei bem pobrinho, viu. HAHA!

las vegas diário de viagemCassino do Paris Las Vegas. Todo o teto é “pintado de céu” pra parecer que se está ao ar livre. E parece mesmo, muito!

las vegas diário de viagemPequenos corredores do hotel que imitam Paris. Tãaaao lindos!

Já era por volta de 17 horas, e estávamos sem almoço. Então, depois de uma pequena caminhada, comemos um lanche e voltamos ao hotel para descansar um pouco, e voltar às ruas quando o sol não estivesse fervendo qualquer coisa abaixo dele. Lá pelas dez da noite, quando saímos do hotel, ainda estava incrivelmente quente, mas era possível caminhar ao ar livre sem se sentir tão sufocado.

las vegas diário de viagemBellagio em toda sua grandeza e “espetacularidade”, bem em frente ao Paris Las Vegas.

las vegas diário de viagemA Strip é a rua onde fica a maioria dos hotéis de Vegas, e logo ali podemos ver o Paris, bem no meio de tudo (localização excelente!)

las vegas diário de viagemHotel New York New York. Queria ter andado na montanha russa dele, mas não deu tempo.

las vegas diário de viagemEssa foto é de dentro de um shopping (também com “teto de céu”, reparem) e tinha um laguinho dentro. Acontece que choveu, trovejou e depois veio garoa nesse lago. Ficamos boquiabertos, nunca esperávamos algo assim!

las vegas diário de viagemUma pequena parte da loja da M&M: uma parede de chocolate, só pegar o saquinho, encher o quanto quiser na cor que quiser e pesar. É claro que eu fiz uma combinação fofa e não tenho foto. Dã!

las vegas diário de viagemToda feliz! Nunca vi tanto chocolate na vida!

las vegas diário de viagemLady dos M&M. Hahaha!

Sexta-feira, 15/08/2014

O segundo dia em Vegas estava reservado para as compras. Dentre os muitos outlets da cidade, escolhemos um deles e ficamos um dia inteiro lá dentro. Comprei coisas que precisava, como tênis, casacos, blusas e presentes por preços ótimos.

Nesse dia, tínhamos o Cirque du Soleil pra ver no Bellagio, o qual já tínhamos comprado os tickets pela internet há bastante tempo. Escolhemos o espetáculo “O”, um show que acontece quase todos os dias da semana exclusivamente no hotel, e é dentro d’água. Se vocês não conhecem, indico que assistam esse trailer. É magnífico! Eu me arrepiei, ri, chorei e desejei que aquela magia nunca terminasse. Valeu cada real investido – e não foram poucos. Foi nesse dia que vimos as águas dançantes do Bellagio também, e é espetacular.

las vegas diário de viagemSaída do Cirque du Soleil, em frente à lojinha, onde não comprei nada. Snif!

Em Vegas todo mundo pode entrar em qualquer hotel porque eles têm cassinos abertos ao público. Então, nessa noite depois do Cirque, eu e o Doug fizemos um pequeno passeio pra jogar no Bellagio e no Cosmopolitan (onde apostamos $5 e ganhamos $10,50, uhul!). E sim, vimos a luxúria de Vegas, as pessoas caracterizadas… Vegas é um mar de possibilidades, e você verá centenas de banners e outdoors e telões e luzes que pedem pela sua atenção continuamente. Riqueza, luxo, aventura e tudo o que você imaginar está num mesmo lugar. Acho que Vegas é impossível de ser descrita, precisa ser vivenciada.

las vegas diário de viagemOH YEAH!

Sábado, 16/08/2014

No sábado, eu e o Doug acordamos mais cedo que Mig e Di pois precisávamos comprar uma mala extra. Então, caminhamos sob o sol escaldante até a Ross, achei umas roupas incríveis nesses poucos minutos e depois almoçamos. Bem, na verdade comemos uma pequena fatia de pizza que resolvemos chamar de almoço.

las vegas diário de viagemQuase passamos fome com esse pedacinho. Só que não! Haha!

Depois disso, tínhamos que comprar presentes para os amigos que são apaixonados por Vegas, e fomos a uma loja enorme de quinquilharias. Tem tudo o que a gente imaginar, por precinhos camaradas, e fica ao lado do Stratosphere. A loja se chama Bonanza Gifts, para quem se interessar. Falando no Stratosphere, eu adoro brinquedos radicais e queria muito ir em um deles, mas apesar de ser caríssimo (e eu já tinha pouco dinheiro), eu teria que ir sozinha. Então, resolvi que isso ia ficar para a próxima viagem a Vegas, junto às outras atrações que não conseguimos ver na cidade.

Depois de uma ronda para comprar tudo o que tínhamos que trazer pra casa, fomos correndo para a High Roller, porque estávamos atrasados. MAS OS TICKETS ESTÃO NO HOTEL! Com o trânsito que não andava e a hora que passava rápido demais, tivemos que correr pra deixar o carro no hotel e ir até o local da High Roller, cerca de 3 quadras. Corremos quase todo o caminho embaixo do sol, e imaginem que eu cheguei bem glamorosa e divando lá na roda gigante. Só que não. Não MESMO.

A High Roller é, atualmente, a maior roda gigante do mundo, tem 28 cabines para, no máximo, 40 pessoas cada, e demora 30 minutos pra dar um giro completo. É uma vista incrível, e como compramos no horário do pôr do sol, foi especialmente bonito. A atração tem duas opções de ingresso: um com open bar e um sem open bar. Escolhemos a opção COM open bar, e a partir de agora vale a máxima: “o que acontece em Vegas, fica em Vegas”.

las vegas diário de viagem

las vegas diário de viagem

las vegas diário de viagem

A nossa aventura em Vegas terminou, por motivo de força maior, com o passeio da roda gigante. No dia seguinte, nos despedimos do forno, digo, da cidade indo ao famoso letreiro.

las vegas diário de viagem

las vegas diário de viagem

las vegas diário de viagem

Resumão: o que fazer em Las Vegas?

  • Conheça a incrível Las Vegas Boulevard e todos os seus hotéis e lojas luxuosas;
  • Vá aos cassinos dos hotéis: é liberado, você pode entrar em qualquer um (infelizmente não tivemos muito tempo pra ir em todos);
  • Impressione-se com as águas dançantes do Bellagio;
  • Tire fotos no famoso letreiro de Las Vegas na entrada da cidade;
  • Aproveite os ótimos preços dos Las Vegas Premium Outlets;
  • Assista pelo menos um espetáculo do Cirque du Soleil (assisti o “O”, e recomendo infinitamente);
  • Vá à loja M&M’s World, uma das poucas lojas da marca em todo o mundo;
  • Compre quinquilharias de Vegas na Bonanza Gifts;
  • Vá aos cassinos do Bellagio, só porque é o Bellagio.
  • Coisas que nós não fizemos, mas que muitos recomendam:

  • Eiffel Tower Experience: suba na torre do hotel Paris Las Vegas;
  • Vá aos cassinos do Caesars Palace, só porque é o Caesars Palace;
  • Ande na roda gigante do New York New York, chamada de Roller Coaster at New York;
  • Conheça a Fremont Street Experience;
  • Ande nos brinquedos aventureiros do Stratosphere Tower (se você é dessas pessoas que adoram);
  • Tem uma exposição de coisas do Titanic que deve ser ótima, se chama Titanic: The Artifact Exhibition;
  • E visite os Canyons.
  • O que Las Vegas me lembrou?

    Uma certa noite, quando estávamos caminhando pela rua, ouvimos e assistimos um show ao vivo pelo telão. Os caras estavam tocando dentro do hotel, e o espetáculo estava sendo transmitido para quem passasse nas ruas. Em Vegas, nada é impossível. Então, a música ficou gravada na minha cabeça, e cada vez que a ouço, tenho um aperto no coração e uma saudade dessa cidade que nunca dorme. A música, que está no início do post, é Harlem, do grupo New Politics – e só de escrever o nome tenho vontade de chorar D: . Então, quando voltei ao Brasil, também comecei a ouvir Imagine Dragons, um grupo que tem um estilo bem parecido com New Politics e que não sai mais da minha playlist (e depois eu descobri que os meninos são de lá, na verdade). Dessa forma, as duas bandas me lembram Vegas, e todas as outras do mesmo estilo musical.

    O post ficou enorme! Espero que tenham gostado! O Diário de Viagem está quase no fim, mas ainda tem Long Beach e Disney nos próximos! Não percam.

    POSTS RELACIONADOS

    19 comentários

    1. Responder

      Isa

      06/12/2014

      AAAAAAAAAAAH NÃO ACREDITO QUE VOCÊ FOI NO CIRQUE! Eu só sonho em ir pra Las Vegas porque lá tem os dois espetáculos que eu mais quero ver e não tem previsão nenhuma de ir para outras cidades do mundo. Esse que você foi que e o dos Beatles. <3 Quando eu fui pro Canadá também fui em um espetáculo e aqui no Brasil fui em todos que vieram pra cá, sou muito fã desde criança e acho incrível!!! Mas agora mudando de assunto, que coisa louca essa de pintarem o teto de céu. Eu adorei! A decoração dos lugares é toda caprichada. <3

      • Responder

        Gabi Orlandin

        07/12/2014

        Oi, Isa! Esses espetáculos não são itinerantes, como dizem, e só acontecem em Vegas mesmo. Então vai ter que ir pra lá pra assistir, haah! Ouvi dizer que o do Beatles também é espetacular. Como não curto, não fui ver.
        Beijos.

    2. Responder

      Ana Carolina

      06/12/2014

      Ai que post bacana, amei seu blog conheci ele através do skoob e olha amei. bjus

    3. Responder

      Jessica M

      07/12/2014

      Uau! Vegas deve ser mesmo uma cidade incrível! Às vezes vejo em filmes e a única coisa que penso é nos jogos. Mas não sabia desses detalhes. As fotos em que o teto é pintado de céu, geeente, eu realmente tive a impressão que era ao ar livre. Na verdade, na 1ª foto, se eu não tivesse lido eu nem teria me tocado disso! HAHA’
      E esse mini tornado? Que medoo [think]
      Adorei mais uma vez!
      Beijo!

      • Responder

        Gabi Orlandin

        07/12/2014

        E a sensação é de estar ao ar livre mesmo! Às vezes a gente se perde nessa ilusão. Da primeira vez que vimos esses mini tornados, deu um medo também, haah! Me senti naqueles episódios dos caça-tornados que passam na Discovery Channel! [smile]
        Beijos.

    4. Responder

      Laisa Helena

      07/12/2014

      Gaaabi que post maravilhoso, AMEI! Sou louca para conhecer Vegas e espero que isso aconteça logo hehe. Nos outros posts nem comentei, mas as tuas dicas são maravilhosas, já estou anotando tudo haha. Beijos ♥

      • Responder

        Gabi Orlandin

        07/12/2014

        Oba, fico muito feliz sabendo que minhas dicas estão te ajudando! Espero que um dia tu possa fazer uma viagem dessas, Laisa!
        Beijo e obrigada pela visita! ♥

    5. Responder

      Angélica

      07/12/2014

      OMG!!!! *—————*
      Surtando com cada coisa que você contou aqui nesse post e sonhando com a minha próxima viagem!
      Marido diz que queria muito ano que vem tentar a Las Vegas ou ao Canadá. Ainda estamos decidindo e engorgando nosso porquinho para a próxima viagem dos sonhos! <3

      Vou correndo mostrar o seu post para ele. Com certeza vai ficar ainda mais tentado a querer ir conhecer!

      Beijinhos!

      • Responder

        Gabi Orlandin

        07/12/2014

        Angel, mesmo não conhecendo o Canadá, tenho certeza que qualquer um dos dois destinos seria uma viagem maravilhosa. Se tiver alguma dúvida que queira me perguntar, sinta-se à vontade, tá?
        Beijos.

    6. Responder

      Jhessyk Thielly

      08/12/2014

      Que lugar lindo [love] .. dá vontade até de conhecer!

    7. Responder

      Gabi Lira

      08/12/2014

      *—-* hahaha realmente o que acontece em Vegas fica em Vegas, mas parece ser tão lindo, e tão fantástico ao mesmo tempo, é uma espécie de Disney porém para adultos :B

      http://redandvintage.wix.com/home

      • Responder

        Gabi Orlandin

        08/12/2014

        Acho que você definiu direitinho, Gabi: é tipo a Disney para maiores de 18. Hahaha!
        E vai ter post sobre a Disney (de verdade) por aqui ainda, tá? ;D
        Beijo.

    8. Responder

      Cecília Maria

      08/12/2014

      MENTIRA QUE ISSO É DENTRO DE UM HOTEL! E DE UM SHOPPING! ISSO TUDO NUMA CIDADE SÓ? Estou apaixonada, preciso aprender a fabricar dinheiro porque olha, não tá fácil acompanhar esses seus posts e ficar aqui só na vontade hahahaha
      Vegas é sinônimo de luxo, né? Apenas amando e sofrendo em silencio com essas fotos.
      Beijos

      • Responder

        Gabi Orlandin

        09/12/2014

        Você pegou o espírito da coisa! Foi BEM ASSIM que a gente se sentia em Vegas. Tipo: “ISSO NÃO TÁ ACONTECENDO!” hahaha! Sim, essa cidade é sinônimo de luxo. Nem tem como explicar isso. Ai, que saudade que me dá! Snif 🙁
        Beijos!

    9. Responder

      Lucas Maia

      09/12/2014

      Oi Gabi, Las Vegas sempre me lembra duas coisas: 1ª – Percy Jackson, no primeiro livro, eles ficam presos em um hotel em Las Vegas; 2ª – CSI! – hashahsa

      As fotos estão lindas e a que mais gostei foi a do shopping com “teto de céu”. Muito diferente e encantador, eu acredito ser. E Cirque du Soleil é encantador. Descobri quando fazia francês e vi alguns vídeos deles. É um espetáculo de imagens e não te deixa desviar o olhar nem por um minuto.

      Beijos!

      • Responder

        Gabi Orlandin

        10/12/2014

        Como é que eu não me lembro dessa parte de Percy Jackson? D: haha
        Sim, esse teto de céu também nos encantou. Às vezes nos enganávamos mesmo, tendo a sensação de que estávamos a céu aberto. O Cirque é mesmo sem palavras. Não dá pra desviar os olhos.
        Obrigada pela visita!
        Beijos.

    10. Responder

      Renata Carvalho

      11/12/2014

      Vegas é outro lugar que eu não poderia deixar de visitar mesmo, se algum dia eu for para os EUA, hehe.
      É tanta coisa legal para se fazer que imagino que a gente tenha que ficar se controlando para não gastar todo o dinheiro em tudo.
      Acho que no seu lugar, eu teria tentado assistir algum show da Britney que tá rolando em Vegas. Meu sonho! *-* hahaha

      Beijos,
      Livro de Memórias

      • Responder

        Gabi Orlandin

        11/12/2014

        Precisa de um super autocontrole mesmo, Rê! [smile]
        E eu vi uma loja da Britney lá num shopping (acho que era esse do “teto de céu”). E vi um outro lugar que estava vendendo tickets pra um show dela. 🙂
        Beijos.

    ESCREVA UM COMENTÁRIO