J.K. Rowling e outros autores – Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

Dizem que expectativa pode ser uma droga. Concordo. Mas o fato é que ela também pode ser ótima. Quando peguei este livro pra ler, percebi – com espanto – que a nota dele no Skoob não estava dentro do padrão dos outros livros de Harry Potter. Aliás, muitos fãs e leitores falavam mal desta obra nas resenhas, dizendo que não passava de uma fanfic mal-feita. :O Imaginem o meu desânimo! 🙁 Eu, que estava extremamente empolgada pra ler o tão esperado oitavo livro da história do bruxinho, joguei minha expectativa pela janela e comecei a ler sabendo que não seria grande coisa.

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada


Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada
J.K. Rowling, John Tiffany e Jack Thorne
Editora Rocco, 2016
352 páginas

Saraiva

Sempre foi difícil ser Harry Potter e não é mais fácil agora que ele é um sobrecarregado funcionário do Ministério da Magia, marido e pai de três crianças em idade escolar. Enquanto Harry lida com um passado que se recusa a ficar para trás, seu filho mais novo, Alvo, deve lutar com o peso de um legado de família que ele nunca quis. À medida que passado e presente se fundem de forma ameaçadora, ambos, pai e filho, aprendem uma incômoda verdade: às vezes as trevas vêm de lugares inesperados.

Ansiosamente aguardado por milhões de fãs, o oitavo livro da saga de maior sucesso de todos os tempos chega às livrarias de todo o Brasil no dia 31 de outubro, em edições brochura e capa dura. Harry Potter e a criança amaldiçoada é a edição impressa do roteiro de ensaio da peça escrita por J.K. Rowling em parceria com Jack Thorne e John Tiffany, que está em cartaz em Londres e se passa 19 anos após os acontecimentos narrados em Harry Potter e as Relíquias da Morte.

A história se passa no futuro, mais especificamente 19 anos após a história do último livro de J. K. Rowling, quando os filhos de Harry Potter com Gina Weasley, Rony Weasley com Hermione Granger, e Draco Malfoy vão para Hogwarts. Não posso revelar muito, pois cada detalhe pode ser uma surpresa e tanto para o leitor, mas posso dizer que personagens improváveis serão destacados, personagens icônicos voltarão à história e algo totalmente novo vai ser revelado – mas que a gente só descobre lá no final.

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

O fato é que: a melhor coisa que fiz foi não ter expectativa nenhuma. A leitura é cansativa, pois se trata de um roteiro de teatro, e eu não sou muito fã desse tipo de livro, mas dei uma chance por se tratar de Harry Potter. *hmm* Nas primeiras páginas, achei que os personagens eram forçados, as histórias eram bobas e nada estava se encaixando de verdade. Me senti exatamente como os leitores decepcionados do Skoob: enganada.

Porém, depois de umas 100 páginas, a leitura começou a engrenar e eu comecei a entender a que ponto os autores queriam chegar com a história. Alguns fatos ainda não faziam sentido, verdade seja dita, mas eu já me sentia envolta no mistério e na magia das histórias de Harry Potter. Da metade para o final, eu praticamente devorei cada página, ávida por saber como toda a confusão que se formou, terminaria.

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

Este pode ser dito como sendo o oitavo livro da série, sim, mas creio que seja melhor não pensar dessa forma: se você tem curiosidade em ler, encare a leitura como mais uma história do Harry, sem ser necessariamente parte dos livros que você já conhece. Acredito que, sem a expectativa de ler uma leitura cheia de aventuras como foram os sete livros, você poderá desfrutar da história – quase como – se estivesse retornando a Hogwarts mais uma vez. *-* Se não for uma leitura do nível que você espera, pelo menos dá pra matar a saudade das histórias do bruxinho que tanto gostamos!

POSTS RELACIONADOS

4 comentários

  1. Responder

    Dinha Vieira

    13/07/2017

    Oi Gabi! *-*
    Eu ganhei esse livro de presente do meu noivo, ele sabe o quanto eu amo HP rs mas tenho empurrado ele com a barriga por um tempinho. Eu já imaginava que a história não seria como uma continuação, seria mais como algo paralelo mas o medo da decepção é muito grande rs.
    Mas depois da sua resenha, vou ler assim que possível, fiquei mais animada! haha
    Amo seu blog, obrigada por continuar por aqui *-*
    Beijos.

  2. Responder

    Raissa Novaes

    13/07/2017

    Olá!
    Eu estava ansiosa pelo livro quando li, mas já esperava que não seria realmente uma continuação. Então acabei encarando como mais um livro do mundo de Hogwarts e eu gostei bastante 🙂
    A leitura para mim foi muito rápida e foi ótimo reencontrar esses personagens tão queridos ❤️

  3. Responder

    Yuri S

    16/07/2017

    Sou doido pra ler pra matar a curiosidade, mesmo com todas as críticas negativas. Imagino que não deve ser muito legal como uma história “conectada” à saga de Harry, etc. Mesmo sem ter lido, acho que não deviam ter mexido nessa timeline e sim criado coisas paralelas, como Animais Fantásticos e Onde Habitam.

    http://www.sextadimensao.com/

  4. Responder

    DAYSE FERREIRA DA SILVA

    18/07/2017

    uauuu! amei a postagem! e esses funkos? quanta amor!!
    amo muito visitar seu blog fofo.

ESCREVA UM COMENTÁRIO