Pedro Gabriel – Segundo: Eu me chamo Antônio

Segundo – Eu me chamo Antônio
Pedro Gabriel
Editora Intrínseca, 2014
192 páginas

Submarino Saraiva Cultura

Alter ego do autor Pedro Gabriel, Antônio é personagem de um romance que ainda vai ser escrito.Enquanto não ganha as páginas, ele expressa, entre um chope e outro, seus sentimentos em ilustrações feitas em guardanapos de papel. Em Segundo – Eu me chamo Antônio, além de frases irreverentes e poéticas, o personagem abre para o mundo as páginas do caderno em que escreve fragmentos de textos – alguns de seus pensamentos mais profundos – e explora sua criatividade brincando com frases e esboços rabiscados nervosamente. A arte de Pedro Gabriel expande-se para além dos guardanapos em ilustrações inéditas que pontuam essa nova obra.

Talvez vocês tenham lido a minha resenha do livro de estreia do Pedro Gabriel, intitulado Eu me chamo Antônio. Se vocês não leram, pelo menos já ouviram falar sobre o livro, certo? O fato é que as poesias do autor fizeram tanto sucesso que no final do ano passado os leitores ganharam a continuação, chamada simplesmente de Segundo – eu me chamo Antônio. E é sobre ele que quero falar hoje pra vocês.

Recebi este livro da Intrínseca como prêmio por ter ganho, junto com outras quatro pessoas, um concurso para que os parceiros completassem um desenho do autor. Vocês podem ver mais detalhes neste post. Então, ele veio autografado. Posso dizer? AMEI esse autógrafo todo caprichado! Fiquei vários minutos babando no meu nome escrito com a caligrafia do Pedro. *-*

segundo eu me chamo antônio

segundo eu me chamo antônio

Acredito que muitos de vocês já conheçam – pelo menos um pouco – o trabalho do autor. Ele brinca com as palavras, mexe, desmonta e junta, fazendo um belo e difícil trabalho. É arriscado brincar assim com as palavras, eu diria, e creio que muitos não conseguem tal resultado, mas o Pedro conquistou uma legião de fãs com suas ideias.

Neste livro, o Pedro fala sobre medos, amores, lágrimas, dores, silêncio, amor, saudades, ausência, sentimentos e vários assuntos – tudo junto e misturado, como dizem por aí. Este segundo livro é mais íntimo, talvez, e contém textos, poesias, ilustrações e até algumas lindas fotografias, tornando-se uma coleção que todos deveriam ter na estante. Uma das coisas que mais gostei foi o poema progressivo nas últimas páginas do livro, em que o passar das páginas foi construindo os versos. Lindo de se ler!

segundo eu me chamo antônio

segundo eu me chamo antônio

Enquanto o primeiro livro foi totalmente focado nas poesias em guardanapos, famosas primeiramente pelas redes sociais, esse segundo volume reúne um acervo bem maior da inspiração do autor. Além dessas poesias escritas e desenhadas, o Pedro incluiu nesse livro pequenos textos e parágrafos com fotografias. E o resultado disso é fantástico. Uma obra pra se inspirar a qualquer momento. Nas fotos aqui abaixo vocês podem ter uma ideia do que estou falando:

segundo eu me chamo antônio

segundo eu me chamo antônio

Além disso, tem uma coisa que eu adoro e já tinha no primeiro livro: a legenda de todos os poemas do livro. Muitas vezes, a letra do Pedro “perde a sobriedade”, como ele mesmo diz, e é difícil de entender. Por isso, os que a gente não consegue distinguir dá pra ver a “tradução” nas últimas páginas. Mas eu acredito que esse foi mais fácil de ler do que o primeiro. Mesmo assim, agradeço por esse adendo! 🙂

Vocês já conhecem os poemas do Pedro?

POSTS RELACIONADOS

4 comentários

  1. Responder

    Nicolle (Por Deus) Ignacio

    11/03/2015

    Sempre que vejo “Eu me chamo Antônio” nas livrarias, fico ali, namorando, louca pra comprar. Já vi váááárias das poesias no guardanapo (no tumblr, principalmente) e gente, são lindas :~~ Agora tem mais um pra eu desejar ter pra mim! Também me deparei com o Segundo pelas estantes da vida, mas diferente do primeiro, não folheei. Vou deixar pra ser surpresa quando comprar o meu :3 (mas, né, já adianto que achei os versos da terceira foto maravilhosos).

    Por último: parabéns por ter ganhado o concurso <3 Seu desenho ficou lindo :3

    • Responder

      Gabi Orlandin

      15/03/2015

      Boa ideia, Nicolle! Deixa pra se fazer uma surpresa, haha!
      Obrigada pelo comentário e pelo carinho <3
      Beijos e um ótimo domingo.

  2. Responder

    Caio

    11/03/2015

    Gostei do livro, mas é um “livro de menina”…. (machista né? XD)

    • Responder

      Gabi Orlandin

      15/03/2015

      Caio, eu não acho “livro de menina”, tanto que foi um autor que escreveu. Mas tudo bem, cada um tem sua opinião 😀

ESCREVA UM COMENTÁRIO