Patricia Cabot – Pode beijar a noiva

resenha do livro pode beijar a noiva

Pode beijar a noiva
Patricia Cabot
Editora Essência (Planeta)
238 páginas

Apenas um homem poderia propor a ela casamento… Emma Van Court, dama de uma família londrina, jamais esperava ficar viúva e sem vintém na aldeia escocesa de Faires. E quando uma fortuna lhe foi prometida, se ela tornasse a se casar, a bela professora deparou-se com um mosaico de homens solteiros lutando por suas atenções, desde o pastor local até um detestável barão. Um doce beijo selaria aquele amor… James Marbury, conde de Denham, era moderno e sofisticado… e totalmente desacostumado às estradas lamacentas e aos telhados de palha de Faires, para onde viera depois de saber do falecimento de seu primo Stuart. E sem demora ficou exasperado ao descobrir que seu amor louco e intenso pela viúva Emma continuava tão forte quanto antes. Diante de tantos homens solteiros que a cortejavam, James encontrou uma única solução: oferecer-se como marido temporário para Emma… mesmo que secretamente ele desejasse fazer seus votos durarem para sempre.

Não pensei que poderia me sentir tão fisgada com um livro no estilo chic-lit quanto fiquei com este, ainda mais apesar da linguagem de época que a Patricia usa, e que às vezes as palavras acabam ficando um pouco complicadas, embora neste livro não tenha acontecido comigo de me perder na leitura por conta disso.

Emma, no começo do livro, é aquela adolescente rebelde que ama Stuart desde que saíra do colégio. Ou acha que ama. Quando ela foi informar ao conde de Denham, James Malbury, sobre seu casamento com seu primo Stuart, na esperança de que o conde ficasse feliz em vê-la casando-se, teve uma surpresa quando o viu sair correndo de sua sala, muito revoltado, para esmurrar o primo. E, para piorar a situação, assim como James, os tios de Emma também não aprovavam que ela se casasse com um homem que pretendia ir à Escócia servir de cura (pároco) em uma igreja, pois todos diziam que não poderiam viver dignamente escondidos no mato sem um vintém no bolso e sem perspectivas de crescer de vida.

Mas, como um casal de namorados apaixonados que eram, eles foram. E meio ano mais tarde, Stuart é agredido por um homem da aldeia e morre instantaneamente, deixando a pobre Emma sozinha, bandonada à própria sorte.

Mais meio ano se passou, e de repente Emma recebeu a visita mais estranha que poderia ter imaginado receber: o conde de Denham, o homem que ela mais odiava na face da Terra, adentrando a sua cabana e, mal sabendo que a partir daí sua vida tomaria um rumo completamente diferente. James acaba descobrindo sobre a herança que o assassino de Stuart deixou para Emma antes de ser condenado à forca, e fica sabendo que há muitos homens querendo se casar com a moça para conseguir abocanhar as dez mil libras que a ela pertencem, mas apenas depois que a viúva se casar novamente.

James sempre nutriu um amor secreto por Emma, e Emma sempre amou James, embora nunca tenha admitido isso nem para si mesma. James acaba decidindo por ficar na aldeia por mais de uma noite apenas, o que acarreta uma série de acontecimentos entre os dois que decidirá o futuro de ambos. E James, sabendo que Emma só iria se ver livre de tantos homens querendo casar-se com ela no momento em que ela escolhesse um marido, propõe casamento à moça, com a condição de poderem anula-lo logo depois de recebido o dinheiro, o qual ela quer usar para construir uma escola para as crianças de Faires.

Mas James nunca quis realmente a anulação do casamento e só o propôs para ela aceitar casar-se com ele, e sendo assim, só resta a ele corteja-la para que ela finalmente se entregue a ele e possam ter a felicidade que ambos merecem. Será que ele consegue fazer a tão controlada e recatada Emma se entregar em seus braços?

04/07/2011

POSTS RELACIONADOS

48 comentários

  1. Responder

    Lais Renata

    27/06/2011

    Oi, gostei muito da sua resenha. Estou ansiosa pra ler o livro. Gosto muito dos livros da Meg (como Patrícia Cabott). Esse livro promete!!
    bjs. [smile]

  2. Responder

    Bianca Sampaio

    27/06/2011

    É uma história diferente e interessante. Ainda não tinha lido uma resenha sobre ele e gostei bastante (:
    Beijos.

  3. Responder

    Julia G

    27/06/2011

    Eu também não tinha lido nenhuma resenha sobre esse livro, mas adoro as histórias da Meg (mesmo em seu pseudônimo), e essa parece tão boa quanto. Gosto bastante de Chick-lit, então acho que adoraria a história 😉

    Beijinhos

  4. Responder

    Miss Carbono

    27/06/2011

    Gostei da história do livro =P

    Quero ler ^^

    teh mais

  5. Responder

    Patrícia

    27/06/2011

    Tô louca para ler, só gosto dos livros da Meg que tem histórias voltadas para adultos.
    Beijão.

  6. Responder

    Vanessa

    28/06/2011

    Se é de época e é chic-lit, então já me chamou a atenção, adoro os dois gêneros.
    Fiquei super curiosa com o livro (a capa é linda né) e pela sua resenha deu pra perceber que você gostou mesmo do livro…
    Beijão flor.

  7. Responder

    Ângela

    28/06/2011

    Eu sou completamente apaixonada pelos livros que Meg/Patricia Cabot escrevem
    E só um da Patrícia que foi a rosa do inverno. Me apaixonei e quero ler todos os livros que a senhorita Cabot escreve.
    E esse me lembrou à rosa do inverno, ai que fiquei com mais vontade ainda de ler

    Beijos

  8. Responder

    raphaela

    28/06/2011

    Gabi, o outro comentario foi errado, dá pra apagar? hehehe
    Apertei um botao aqui que enviou direto usahushaus

    Bom.. eu quero muuuito esse livro!
    A capa é liiiinda e eu adoro chic-lits *————–*

    Parabens pela resenha ^^

    Beijocas
    Rapha ~Doce Encanto

  9. Responder

    Ju Lemos

    28/06/2011

    A-D-O-R-O livros como esse! Historias fascinantes que fazem a imaginação ir longe

    [love]

  10. Responder

    Rafaella Barros

    28/06/2011

    O meu chegou hoje!!! Feliz! A capa é linda e eu tô louca pra ler logo, principalmente com essa resenha.

  11. Responder

    Maria Clara Ribeiro

    28/06/2011

    Oii Gabii , ameeei a resenha , ficou muito boaa , nossa , estou doiiiiida para ler esse livro …
    Beeijos
    Clara

  12. Responder

    Ingrid Sell Koerich

    28/06/2011

    Lindo esse livro né!!
    Li ele em dois dias!! Amei de verdade!
    Adoro tudo escrito pela Patricia/Meg Cabot!!
    Os romances históricos dela são lindos!!
    [smile]

    Bjin
    Memórias de Guigui

  13. Responder

    Camila Leite

    28/06/2011

    Ouvi ótimos elogios desse livro, despertou minha curiosidade! [love]
    Beijos, Mila ♥

    @Camilla_Leitte
    http://sonhosentrepontinhos.wordpress.com

  14. Responder

    Bruna Reis

    28/06/2011

    Esse sim é agua com açucar haha bem diferente dos da Meg.
    Mas me interessei, o jeito que tu escreve as resenhas sempre me deixa com vontade de ler *-*
    Beijos Gabi – vou esperar o sorteio desse então ;x

  15. Responder

    Giovana Joris

    28/06/2011

    Oi Gabi!
    Nunca li nada da Meg como Patrícia, mas pelo que eu percebi são romances de época né? Sua resenha me deixou bem curiosa pra ler, mas acho que no momento não to muito na vibe de romance de época, sabe? Enfim, ótima resenha!
    E, Anna e o Beijo Francês é a coisa mais linda, St. Clairrrrrr [love]
    Beijos!

  16. Responder

    Ludmila

    28/06/2011

    Tenho uma vontade enorme de ler esse livro… amo romances de época e amo chic-lit!!

    Sua resenha esta ótima, dá vontade de sair correndo para comprar logo o livro.

    Bjos

    • Responder

      Fluffy - Gabriela

      28/06/2011

      E além de tudo, a capa é linda!
      Acabei de chegar do Correio, então seu livro deve chegar daqui uma semana, mais ou menos. Quando chegar em casa, te mando por e-mail o código pra rastrear o produto no site do correios.
      Beijo!

      • Responder

        Ludmila

        29/06/2011

        Sim, a capa é muito linda mesmo!!

        Gabi, recebi seu e-mail com o código 🙂
        Obrigada!
        Beijo

  17. Responder

    Jaqueline Silva

    28/06/2011

    Obrigada pela torcida, espero me sair bem la no concurso. E sim, é ótimo ficar esperando a visita do carteiro, ainda mais quando vem trazendo livros 🙂

    Amei sua resenha. Deu vontade de lê-lo.
    E quer saber de uma, ele vai para minha lista, que só aumenta.

    beijo

  18. Responder

    Júh Sodi

    28/06/2011

    Aposto que eles ficam juntos no final, será que vai mesmo seguir esse clichê?! Hehehe 🙂

  19. Responder

    Gessy

    28/06/2011

    Me lembrou livros de banca sobre romances históricos. Hum… será? Bem eu gosto chic-lit, e gosto ainda mais da Meg. Mesmo a história não tivesse chamado minha atenção leria apenas porque é dela, sou assim. Mas, gostei da resenha e da história.

  20. Responder

    Biialou

    29/06/2011

    Oiie Gabi,
    depois de Meg Cabot geralmente não precisa se dizer mais nada,né? [smile]
    Adorei a resenha e fiquei curiosa por ser um livro de época, que não é muito a praia dela, to bem curiosa pra ler, vou coloca-lo na minha lista…
    Obrigada pela visita!
    xoxo

  21. Responder

    Mah

    29/06/2011

    Ainda não li nenhum livro da Patricia, mas fiquei super interessada por esse.
    Adoro romances desse tipo e esse promete não me decepcionar.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos,
    Mah | Livro e Coração

  22. Responder

    JESSICA POLATO

    29/06/2011

    Gabii,
    Adorei a resenha. Esse livro esta entre alguns que preciso comprar.
    Não li muito pra não estragar muito a minha surpresa, mas mesmo assim AMEI ainda mais o livro depois que li sua resenha. Só aumentou ainda mais a minha vontade.

    bjinhuxxx

  23. Responder

    Luana

    29/06/2011

    NOssa que legal adorei, já tinha ouvido falar sobre esse livro é super legal e interessante.

    Bjs

  24. Responder

    May

    29/06/2011

    Nossa, que resenha ótima! Eu tô adorando chick-lit, mesmo tendo lido um livro só.. e Meg cabot não é pra qualquer um! *-*
    Super Beijos,
    May ;**

  25. Responder

    Renata de Aquino

    30/06/2011

    ô poxa.. nunca mais tinha lido um chick lit!! Esse parece ser uma ótima pedida, não? :DD
    Nunca li nada da Meg como Patrícia hsuahsa será que muda algo com o nome? difícil né :b
    Mas no geral gosto muito das obras dela. diva né 🙂
    mas entao, nunca tinha parado pra ler uma resenha desse livro!
    eu quero, gente *——*

    adorei, parabens 😀

    ah, e obrigada pela visita lá no blog!! vou ver se sigo seu conselho e tento me aprimorar nas capinha de livro hehe quem sabe um dia eu venda/presentei *-* deixa eu ficar mais craque na coisa hehe

    beijos ;****

    lindo seu blog, como sempre 😉

  26. Responder

    Bruna

    30/06/2011

    Oi Gabi, ainda não li nada da “Patricia Cabot” mas imagino que deva ser tudo de bom!!

    Beeijoss

  27. Responder

    Tãã

    30/06/2011

    Olá! adooorei seu blog!! Estou seguindo
    Segue o meu? http://www.cerejarocks.com

    beijooos ;** [heart]

  28. Responder

    Thai

    30/06/2011

    Parece bem legal a história ,
    gosto de livros assim
    mas nunca li ,
    me interessei , depois vou procurar ler (:
    beeijos ;*

  29. Responder

    Roberta

    30/06/2011

    Nossa .. essa resenha está ótima, deu vontade de ler [love]

  30. Responder

    Lari

    30/06/2011

    Opa, e se passa na Escócia! *-* Que delícia. Mas po, marido temporário? Eu não entendi o porquê de não poder ser para sempre >< Sou meio lerdinha, pois é 🙁
    Mas deve ser emocionante ver ele todo interessado por ela assim 😀 hahaha
    beeijo, Gabi 😀

  31. Responder

    Gabi

    30/06/2011

    Tentei uma vez ler um livro dela (que agora não consigo me lembrar o nome) mas não gostei muito. Simplesmente não rendeu :~ eu tenho alguns livros dela aqui no computador, quando a minha listinha ficar menor eu vou ver se começo a ler os dela.
    Beijos

  32. Responder

    Sanzinha

    01/07/2011

    Hey, sua linda!

    Tô morta de vontade de ler esse livro, mas são tantos aqui na fila que nem faço ideia de quando terei a oportunidade. Passei no blog da Bruna e babei no template que vc fez. Ficou lindo!
    Agora quero ter um blog no wordpress só pra vc fazer o template pra mim… huahauhaua

    Beijooo!!!

  33. Responder

    Grazy

    01/07/2011

    Oie, adorei a resenha. O livro não estava na minha lista de desejados, até agora. Ficou muito curiosa para ler o livro, parece ser um tanto romântico!! [love]
    Beijoo !!!

  34. Responder

    Camilla Martins

    01/07/2011

    Patricia Cabot? Ela tem algum parentesco com a Meg? KKKKKKK

    Que história legal [smile]

    Também vou começar a cozinhar coisas diferentes nessas férias, eu já fiz arroz, omelete, bolo, beijinho de coco queimado K4RÇL~3K5ÇL34~Ç5

    Uma coisa nas férias para fazer: nada!

    Bjonas!

  35. Responder

    Bruna

    01/07/2011

    nunca li Meg como Patrícia… mas eu amoo Meg e amoo chick-lits!
    e pelo que você escreveu a história deve ser ótima.. fiquei curiosa pra ler^^
    mais vou aguentar um pouquinho pra esperar o sorteio, quem sabe não dou sorte né?

    megaa bjoo
    ;**

  36. Responder

    Rafaela

    02/07/2011

    Oi Gabí, sabe que essas histórias de amor praticamente perdidos me dão certas lembranças, o bom da resenha é que ela já prepara gente para uma grande leitura. Acho mesmo que eles vão ficar juntos, a maioria dos contos de amor dão em finais felizes. Tudo de bom! =) rsrs…

    Aproveito pra desejar um super final de semana. beijoos. ^^

  37. Responder

    Poly

    03/07/2011

    Adorei sua resenha *___*
    Me deu maior vontade de ler tbm, vou participar do sorteio 😀
    Tenha uma boa semana.
    Bjuxxxxx

  38. Responder

    Renata

    03/07/2011

    Oii!
    adorei a resenha!
    eu ja li vários livros dessa autora, e com certeza vou ler este também!

    beijoss =**

  39. Responder

    Mônica

    03/07/2011

    Eu não sabia que a Patrícia era, na verdade, a Meg. auhauhau
    Fiquei assim quando descobri: :O noway.
    Quero lerrrrrrrrrr, vou participar da promoção *-*

  40. Responder

    Camilla Martins

    03/07/2011

    Oie Gabriela!

    Tem post novo no SD.

    Bjonas!

  41. Responder

    Barbara

    06/07/2011

    Adorei a resenha, o livro, a capa …. ehehhee!!!

    Vou torcer para ser sorteada ….

    Bjus [smile]

  42. Responder

    Kah

    08/07/2011

    Gosto muito dos livros da Mega Cabot, tenho certeza que esse não será diferente.

    Mil bjoks.

    http://baby-buch.blogspot.com/

  43. Responder

    Kah

    08/07/2011

    troquei as Cabot, rsrsrs

  44. Responder

    Leandro de Lira

    04/11/2011

    Muito boa a resenha!
    Sou louco para ler esse livro!

ESCREVA UM COMENTÁRIO