Suzanne Collins – Jogos Vorazes

jogos vorazes

Jogos Vorazes
Trilogia Jogos Vorazes, livro 1
Suzanne Collins
Editora Rocco, 2011
397 páginas

Compre o livro pelo Submarino clicando aqui.

Após o fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge. Formada por doze distritos, é comandada com mão de ferro pela Capital. Uma das formas com que demonstram seu poder sobre o resto do carente país é com Jogos Vorazes, uma competição anual transmitida ao vivo pela televisão, em que um garoto e uma garota de doze a dezoito anos de cada distrito são selecionados e obrigados a lutar até a morte! Para evitar que sua irmã seja a mais nova vítima do programa, Katniss se oferece para participar em seu lugar. Vinda do empobrecido distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente hostil. Peeta, um garoto que ajudou sua família no passado, também foi selecionado. Caso vença, terá fama e fortuna. Se perder, morre. Mas para ganhar a competição, será preciso muito mais do que habilidade. Até onde Katniss estará disposta a ir para ser vitoriosa nos Jogos Vorazes?

Sim, eu finalmente li o primeiro livro da trilogia Jogos Vorazes e agora entendo esse alvoroço todo em razão dessa série! E não, não sei porque estou escrevendo essa resenha pois, obviamente, muitos de vocês já leram e são loucos pela história – e os que não leram provavelmente já viram o filme. Mas eu queria, de qualquer forma, colocar no papel (ou na tela, tanto faz) essas coisas que estão na minha cabeça neste momento.

Acho que nem preciso falar da história do livro, já que provavelmente todos conhecem – e ela já está bem explicada na sinopse. Então, vou direto ao ponto. O livro é dividido em três grandes partes, e me senti um tanto quanto perdida na primeira delas, tanto que tive medo de não gostar da história tanto quanto imaginei. A leitura ia lenta, e eu não entendia muitas coisas que a autora contava; até que a Clara me disse, pelo Twitter, que a partir da segunda parte, era impossível largar o livro. Que alívio! Li a primeira parte e fui logo para a segunda. E, sim. Ela estava certa.

Como tem toda aquela coisa dos tributos serem colocados dentro da arena para lutarem entre si até a morte, sendo que, a partir disso, é cada um por si, houve algumas partes da leitura que eu achei meio paradas – afinal, a narrativa era somente Katniss com ela mesma, dialogando, traçando planos e tentando sobreviver. Porém, nem com esse monólogo a leitura ficou cansativa. A velocidade se mantém e logo percebemos que estamos agarrados outra vez à história. Então, até aqui está tudo bem, até eu chegar à terceira parte quando tudo fica ainda melhor! E no final, na decisão dos Jogos eu já estava de cabelos em pé, a ponto de arrancá-los de tanto suspense.

Dei nota máxima a essa leitura, mas não o coloquei dentre os meus favoritos por motivos um tanto contraditórios: eu realmente amei a leitura, mas muitas coisas, por mais bem escritas, bem explicadas pela autora, foram um tanto difíceis de engolir. O fato de os Jogos serem uma verdadeira matança de jovens já é difícil de “absorver”. Inclusive, as pessoas que vivem na Capital divertem-se ao ver as mortes e fazem suas apostas pelo tributo escolhido. É um tanto duro de crer e, mais ainda, é complicado tentar me colocar na pele de Katniss, pois estando lá, eu não aguentaria o que ela aguentou. Por isso, a história é majestosamente bem escrita, mas foi difícil, para mim, digerir justamente o que há de mais diferente e único nela.

Suzanne conduz uma narrativa impecável, cheia de aventura e leva o leitor, literalmente, a outro mundo. Impossível de largar, é uma leitura indicada a todos. Os livros seguintes são “Em Chamas” e “A Esperança“, que finalizam a trilogia. Mas, para quem acha que a história é só baseada nos Jogos, enganou-se: tem muita coisa ainda por vir.


Essa leitura faz parte da Maratona Literária #EuSouDoideira, realizada pelo blog Carneirismo com a colaboração do Fluffy. A ideia era ler 5 livros em 15 dias e, além disso, escolher uma música para se adequar a cada leitura realizada. Jogos Vorazes foi o terceiro livro da maratona e escolhi para essa leitura a música “Safe and Sound” da Taylor Swift com o The Civil Wars por diversos motivos. 1) Eu adoro a Taylor. 2) A música é tema do filme. 3) A música é linda. 4) Desde antes de eu ler a história, essa canção sempre me fazia lembrar da trilogia por causa do clipe. Preciso explicar mais?

Veja o clipe:

POSTS RELACIONADOS

12 comentários

  1. Responder

    Nataly

    16/09/2014

    Geralmente numa trilogia tem sempre aquele livro que não é tão bom, né? Então, estou procurando o mais ou menos dessa trilogia até agora. Conseguiu me surpreender do primeiro ao último livro.

  2. Responder

    Jessica

    17/09/2014

    Hey Gabi, tenho várias amigas que são loucas por essa série e eu fico meio com receio de ler porque não faz meu estilo sabe? Já vi o filme mas não curti tanto. Quem sabe eu dê uma chance a mais pra ele né?
    Valeu a pena esperar

    • Responder

      Gabi Orlandin

      17/09/2014

      Ah, mas se não faz seu estilo, Jessica, não adianta, né? Claro que você pode fazer uma tentativa pra ver como rola a leitura, mas não adianta forçar só porque todo mundo gosta. Afinal, nem o que é legal pra muita gente tem que ser legal pra você 😉
      Beijos.

      • Responder

        Jessica

        18/09/2014

        Por isso que eu disse um talvez, porque pode não ser meu estilo agora mas um dia quem sabe né? Mas eu nunca sou de forçar muito uma leitura não porque eu poderia estar lendo um livro que eu gosto =)
        Adoro tuas resenhas só para deixar claro <3

  3. Responder

    Mariana Moura

    17/09/2014

    Eu também ainda não li e estou esperando uma promoção boa pra comprar o box antes de estrear o 3° filme. Já vi os outros dois, mas não quero saber o final (embora sejam 2 filmes) antes de ler os livros.

    E essa música linda? Eu já tinha ouvido na trilha sonora do filme, mas esqueci completamente dela, agora vou ficar ouvindo várias vezes. rs

  4. Responder

    Amanda Almeida

    17/09/2014

    Oi Gabi, tudo bem flor?
    JV é realmente é um livro eletrizante. Depois que conclui a leitura desse livro pensei: caramba, isso não vai ficar só nisso! O presidente vai planejar algo muito, mas muito pior.
    Concordo com você que não é apenas os jogos, e que o que está por trás é muito mais profundo e sujo do que se imagina. Fico feliz que você tenha gostado. Agora vou ler sua resenha de em chamas, pois esse de longe foi meu favorito.
    Abraços,
    Amanda Almeida

  5. Responder

    Beatriz Cavalcante

    17/09/2014

    Gabi ta permitido fazer resenhas de livros bons, mesmo que já tenha milhões de outras por ai viu! haha <3

    Eu tava muito doida pela trilogia de jogos vorazes mas sempre que aparecia uma promoção eu estava sem dim dim e uma outra vez eu acabei esquecendo de pagar o boleto. Até ia ganhar de presente mas por motivos de vergonha eu recusei. Sim, nunca dava certo pra eu comprar os livros até que um dia uma amiga comprou e não leu nem tava afim, me vendeu por 30 dinheiros os 3 livros. Nem fiquei feliz,né? *u*

    Enfim, eu comecei a ler semana passada e terminei já o primeiro livro. Agora estou lendo em chamas e adorando. Eu já vi os filmes e em chamas eu fui ver no cinema. Sai de lá louca querendo mais. hahaha

    Agora que está perto de sair a esperança eu decidi que ia ler todos os livros porque eu não estou entendo muito bem os trailers,sabe? Ai quando chegar o filme eu já estrei por dentro de tudo e acho que vou poder aproveitar melhor. Estou doida para terminar logo e saber o que acontece. hehe

    Mas enfim, eu adorei tanto os livros quanto os filmes. Até quero ler mais livros do gênero. [smile]

    • Responder

      Gabi Orlandin

      17/09/2014

      Bia, como eu já tinha a trilogia há bastante tempo, resolvi não assistir os filmes até não ter lido todos os livros. Aí, há algum tempo, assisti o primeiro e AMEI. Mas tenho a sensação que quem não leu os livros não vai entender a história… Sempre penso isso [ugh]
      E eu estou doida pra ver Em Chamas e A Esperança parte 1 *-*
      Ok, permitido fazer resenhas de livros famosos. Hahaha!
      Beijão pra ti :*

  6. Responder

    Carla Profeta

    17/09/2014

    Oi!

    Vi os 3 filmes que foram lançados, e ganhei a trilogia…mas confesso que apesar de gostar, não sou louca nem por um nem pelo outro! rs

    Não sei explicar exatamente o motivo…peguei a fase de HP e até me deixei levar pela fase crepusculo (msm com uma idade assim, meio avançada haha).

    Comecei ler o livro, e perco o interesse fácil…bacana sua resenha…me incentivou a querer chegar a segunda parte! rsrs

    e a música é uma das preferidas e eu que não tinha visto o clipe ainda (por pura preguiça – confesso) aproveitei e achei fofo.

    [happy]

    beijos!!

  7. Responder

    Renata Carvalho

    17/09/2014

    Aaah eu me apaixonei por esse livro logo na minha primeira leitura, desde o primeiro momento, e não queria mais largar. Aliás, a trilogia eu devo ter lido em uma semana.
    Normalmente os livros narrados em primeira pessoa podem ser bem chatos no começo por conta do personagem narrar tudo o que está acontecendo no mundo dele primeiro, pra situar o leitor, e só depois disso a história começa.

    Eu eu amoo The Civil Wars, e essa música é muito amor <3

    Beijos,
    Livro de Memórias

  8. Responder

    Fabi

    05/08/2015

    Gabi vc ja leu Por um toque de ouro?

ESCREVA UM COMENTÁRIO